NOTA DE REPÚDIO DO POVO SURUÍ Contra PL 490/2007

A Associação Metareilá do Povo Indígena Suruí, imbuída do propósito de lutar pelos direitos dos povos e territórios indígenas, em nome do Povo Paiter Suruí, vimos através desta, expressar o nosso repúdio à postura e avanço na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) da Câmara dos Deputados Federais o PL490/07 que representa o maior ataque ao Território Indígena das últimas décadas, que prevê uma série de retrocessos e ameaças aos direitos dos povos originários.


A decisão proferida na CCJ da Câmara dos Deputados expõe a trágica realidades do nosso Congresso Nacional, um parlamento covarde que se dispõe a servir aos ideias genocidas de um Governo autoritário em detrimento do povo.


O PL 490/07 em trâmite no Congresso Nacional, voltou a tramitar a toque de caixa e à revelia dos principais interessados, os indígenas. O projeto tende a apear os direitos dos povos indígenas e abre o caminho de nossos territórios ao agronegócio, mineração e explorações de toda a ordem.


Um dos pontos mais grave do texto exigência do Marco Temporal, ou seja, a comprovação da posse e ocupação do território reivindicado pelos povos tradicionais antes do dia 5 de outubro de 1988 (data da promulgação da Constituição Federal).


Além disso, a proposta que corre no congresso não é uma ação isolada. A FUNAI, órgão indigenista cuja missão principal à proteção aos povos indígenas, hoje capitaneadas por um delegado ruralista, protagonizou lamentáveis episódios de perseguição quando, mediante provocação do próprio presidente da FUNAI, sr. Marcelo Xavier, foram instaurados inquéritos policiais sob falsas acusações de que lideranças indígenas estariam cometendo crimes de estelionato e difamação ao promoverem campainhas de arrecadação de cestas básicas no contexto pandêmico.


Recentemente o Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, foi identificado pela Polícia Federal como integrante de uma possível organização criminosa instalada no alto-escalão do Governo Federal para viabilizar comercialização/exportação de madeira ilegal extraída da Amazônia brasileira. Isso demonstra que, sob o comando do Presidente Bolsonaro, órgãos de controle atuam em favor do crime estimulando a destruição ambiental e consequentemente promovendo as perseguições para constranger as lideranças indígenas que defendem causa indígena e ambiental, deslegitimar as lutas dos povos e reafirmar a sórdida e genocida política de dizimar os nossos povos.


O Governo Bolsonaro é uma ameaça real aos povos indígenas do Brasil, em pleno século XXI.


Nós levantamos contra todos os ataques aos nossos direitos e à integridade dos territórios sobre os quais, constitucionalmente, temos direito ao uso exclusivo.


Atenciosamente,


Caciques/Lideranças e organizações que assinam:


Almir Narayamoga Suruí

Associação Metareila do povo indígena suruí

Cacique mopiry suruí - Aldeia Lapetanha

Joaquim Suruí - Aldeia Gapgir

Instituto Wãwã Ixotih

José Mopiraneme Suruí – Aldeia Mauira

Cacique Manoel Suruí - Aldeia Betel

Associação Pamaur do Clã Makor - Enoque Oyyaiwepile Makor Suruí

Gaami Anine Suruí – Aldeia Nabeko Abadakiba

Iratana Suruí - Aldeia Iratana

Associação Soenama Paiter Suruí

Itabira Suruí - Aldeia Apoena Meirelles

Associação Garah Pameh

Associação Indígena Ğara Perewepid – Rafael Mopimop Suruí

Aldeia Placa – Jandui Suruí

COOPAITER RO/MT – Henrique Iabaday Suruí

Associação Paiterey Agoya

Luiz Galy Suruí – Aldeia Central

Gatoya Suruí – Aldeia Tikã

Adriano Pawah Suruí – Aldeia Lobó

Associação do Povo da Floresta Kaban-ey Suruí – Rodrigo Gawanam Suruí

Gasodá Suruí – Centro Cultural Indígena Paiter Wagôh Pakob – Aldeia Paiter Linha 09

Hélio Mopidakat Suruí – Aldeia Panãg Rondolândia

Pedro Kabetem Suruí – Aldeia Tikã

Wilson Nakodah Suruí – Aldeia kabaney

Euclides Ichomangaba Suruí – Aldeia payamah, Linha 07

João Lawad Suruí – Instituto Florestal Yabner Gabgir do Povo Indígena Paiter Suruí, Aldeia Joaquim

Narayamat Suruí - Centro das Plantas Medicinais Olawatawa

Aldeia Gakapy - Associação Indígena Narayb - Diretor Executivo: Narai Agoteme Suruí

Pipira Suruí – Aldeia Nova Paiter

Atamaioa Suruí – Aldeia Atamoia

Naar Mopi Merepi Suruí – Cacique Aldeia Payamah

Associação Gap Ey

Cacique Kadior labnin Suruí – Linha 08 Aldeia Ur-pegay

Cacique Naraica Suruí - Aldeia Naraica

Cacique Cristiano Suruí - Aldeia Ngaxip

Cacique Naraipeaten Suruí - Aldeia Oyihbi



602 visualizações2 comentários